Notícias da Semana

Dal Pizzol Merlot 2004 chega ao mercado
A Dal Pizzol Vinhos Finos está colocando no mercado o vinho tinto Dal Pizzol Merlot – Safra 2004, um vinho requintado, de cor intensa, potente, vermelho rubi com tons violáceos. O lote de 30 mil garrafas está distribuído por todo o Brasil em lojas, delicatessens, hotéis, bares, restaurantes e no varejo da própria cantina, em Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha.
Com um aroma pronunciado harmonizando a fruta com um toque de complexidade, o vinho apresenta sabor persistente com um bom “volume de boca”, encorpado, harmônico, com taninos aveludados. Acompanha pratos como massas com molhos de carne, ensopados, filés, vitela, strogonoff, grelhados e queijos tipo Cheddar, Provolone, Brie e Roquefort. O controle de qualidade inicia ainda no cultivo da videira. Para garantir uma produção de qualidade a Dal Pizzol mantém parceria com produtores através de acompanhamento técnico feito por dois enólogos e um engenheiro agrônomo da vinícola. A assessoria se dá em todo o processo, desde a variedade de uva a ser implantada até a colheita. Cada produtor recebe uma cartilha de procedimentos e práticas para o cultivo da videira. O material dá instruções, inclusive, sobre o limite de produção por área, variedade e sistema de condução da parreira. Esta parceria também contempla uma tabela de benefícios conforme a qualidade e tratos culturais implementados no vinhedo para cada safra.
O valor médio do produto no mercado é de R$ 25,00 a garrafa. Para os apreciadores da bebida o produto também está sendo disponibilizado através do site www.dalpizzol.com.br. (Fonte: Ass.Imprensa Dal Pizol)
-----------------------------------------
Miguel Rossetto apóia Programa de Qualidade da Vinícola

O diretor superintendente da Vinícola Aurora, Hermes Zanetti, recebeu neste sábado, 11, o Ministro Miguel Rossetto, do Desenvolvimento Agrário, para a apresentação do Programa de Qualidade Aurora que prevê uma verdadeira revolução na vitivinicultura brasileira. Trata-se de um programa completo e abrangente, em fase inicial de implementação que terá sua primeira fase concluída até o final de 2008.
Rossetto afirmou que o Programa terá total suporte do governo federal, uma vez que promove uma melhor distribuição de renda aos pequenos produtores da região da Serra Gaúcha. "O Programa de Qualidade da Aurora preenche os requisitos básicos da política governamental do Ministério do Desenvolvimento Agrário. "Todas as bases deste projeto podem contar com o nosso apoio. Para nós, este segmento é estratégico, devido aos fatores evidenciados aqui. O desafio é pensar no futuro. É um grande instrumento de distribuição de renda e por isso tem todo o nosso apoio". O Programa de Qualidade da Aurora tem a promessa de suporte do Banco do Brasil, do Banrisul e do Caixa RS.
A Cooperativa Vinícola Aurora vem investindo sistematicamente em pesquisas e tecnologias em todas as etapas da produção dos vinhos, desde o campo ao engarrafamento e na colocação de suas marcas premiadas no mercado interno e no exterior. O Programa de Qualidade Aurora potencializa todos esses esforços, sistematizando uma verdadeira revolução na vitivinicultura do Brasil, promovendo mudanças na área agrícola e de produção. O projeto na área de produção é assinado e está sendo implementado pelo enólogo Mario Geisse, chileno, um dos mais respeitados do mundo e o mais premiado da América do Sul. Geisse afirma que só a Aurora tem as condições para desenvolver esse Programa e criar a verdadeira identidade do vinho brasileiro. José Fernando Protas, pesquisador da Embrapa, é autor do projeto na parte agrícola, em conjunto com Humberto Camargo, também da Embrapa.
A partir deste ano será implantado, através de estudos da Embrapa na região da Serra Gaúcha, um pacote ajustado para cada variedade e sistema de produção. O projeto piloto da Aurora definirá as variedades de uvas prioritárias, através da escolha dos enólogos e dos tradicionais consumidores de vinho, com o intuito de buscar maior qualidade e conquistar novos mercados internacionais. "Este trabalho, iniciado aqui na Aurora, será a base para a vitivinicultura do futuro. Não tenho dúvida disso", acredita Protas.
Para o superintendente da Aurora, Hermes Zanetti, a idéia é reforçar a vitivinicultura da região da Serra Gaúcha, em primeiro momento, e dar qualidade ao setor. "Vamos dar um salto de qualidade para o setor.
Queremos, e temos a promessa do ministro, de expandir e estender este programa, fato que se faz necessário para que consigamos reconhecimento e espaço no mercado mundial".

--------------------------------------------------------------------------
ÚLTIMAS TENDÊNCIAS DE MÓVEIS E DECORAÇÃO
A Febramóvel 2006 estará apresentando, de 11 a 14 de março, no Serra Park, em Gramado o que há de mais moderno em móveis e decoração.
A feira que conta com 13 mil m², reunirá cerca de cem expositores brasileiros que estarão apresentando móveis do clássico ao contemporâneo, em estilos variados em uma grande diversidade de material (madeira, metal, fibra natural, MDF e outros), objetos de decoração e complementos como cristais tipo murano, tapetes orientais clássicos e nacionais de design, quadros e outras utilidades para a casa, enfim, tudo para o interior e o exterior de residências, empresas e condomínios.
O evento, que é restrito apenas para profissionais do setor, espera dez mil visitantes, entre eles muitos importadores. Cerca de mil e quinhentos lojistas, indicados pelas empresas participantes da Febramóvel foram convidados, ganhando traslado ida e volta Poa/Gramado e hotel/Serra Park, além da hospedagem. O público será transportado em carrinhos de golfe do estacionamento até a entrada principal da feira e, nos stands, chocolates de Gramado e doces de Pelotas estarão tornando o evento ainda mais aconchegante. Um cyber café também será colocado a disposição do público. Tudo para favorecer excelentes negócios aos expositores.
Duas grandes novidades devem chamar ainda mais a atenção do público: traslado de Bento Gonçalves para Gramado e de Gramado para Bento Gonçalves, oportunizando aos participantes a visitação também na Móvelsul, nos dias 13 e 14. A outra novidade será um inédito desfile de móveis na Rua Coberta, de Gramado, em grande estilo, com infra-estrutura dos grandes desfiles de moda.
----------------------------------------------------
Rádio VIVA fará cobertura ao vivo do Salão Internacional do Móvel 2006 em Milão

de 5 a 10 de Abril de 2006, se realizará a 45ª edição do Salão do Móvel de Milão , uma feira com mais de 200.000 metros quadrados divididos, este ano, entre o Salão Internacional do Móvel, o Salão Internacional do Objetos de Decoração, as bienais; Eimu - Móveis de Escritórios, a Eurocucina - tudo para Cozinhas e o novo Salão Internacional de Móveis e Acessórios para Banheiros. È o berço do desing mundial de móveis.
Também O melhor da produção italiana e estrangeira de móveis de cozinha estará na mostra "Eurocucina", que chega a sua 16ª edição e junto à FTK (For the kitchen) - dedicada a tecnologia dos eletrodomésticos de encaixe - que pretende tornar-se a manifestação referência internacional do setor. A produção de excelência dos móveis e acessórios para ambientes, para; escritório, bancos, seguradoras, correios e comunidades, além de soluções para o home office serão expostas na "EIMU", Exposição Internacional de Móveis para Escritório. O objetivo é criar espaços melhores visando a qualidade no trabalho. A rádio VIVA AM estará presente no evento com boletins informativos diários transmitidos pelo jornalista Antonio Piccoli em 02 horários ( 07:10 e 11:50) . O projeto Feiras da RSCOM conta com o apoio da MOVERGS-Associação das indústrias de Móveis do Rio Grande do Sul, PIVA Acessórios para Móveis, Cinex e Sindmóveis.
-----------------------------------------------
BENTO: POLITORNO MÓVEIS COMPLETA 21 ANOS
A Politorno Móveis completou na última semana 21 anos de atividades. Inicialmente a empresa dedicou-se à produção de móveis de Pinus (camas, beliches e roupeiros).Depois de superar um processo de concordata , em 1997 foi colocado em ação um plano de desenvolvimento da empresa, voltado exclusivamente para as pessoas que nela atuam, buscando, através da Gestão participativa, desenvolvimento pessoal e Compromisso com o Social, o crescimento sustentado e a busca da qualidade como elementos determinantes no relacionamento com o mercado. Várias mudanças foram propostas, desde a linha de produtos até mesmo foco de mercado e novas metodologias de administração. A equipe de Colaboradores passou por treinamento intensivo tendo adquirido conhecimentos da Qualidade Total. O foco da empresa foi definido com o mercado de auto-atendimento e home-centers. A empresa atualmente é certificada segundo as normas ISO 9001:2000 (controle e melhoria de processos) e SA 8000:2001 (Responsabilidade Social), sendo a 1ª do Brasil e a 2ª no mundo em seu segmento, nesta última. Também conquistou reconhecimento nacional pelas políticas de recursos humanos e de responsabilidade social.
Em 2004 ganhou o Prêmio Sesi de qualidade no Trabalho Nível Nacional e o Top Ser Humano ABRH-RS nas edições 2002 e 2003 . Na linha de produtos a Politorno planeja novidades para a Movelsul Brasil ( 13 A 17 DE MARÇO) O empresário Ivanor Scotton em entrevista ao programa Negócios e Mercado adiantou que a Politorno vai para feira na expectativa de ampliar sua participação principalmente no mercado interno. “ O ano que passou as exportações sofreram muito devido a política cambial do governo brasileiro e agora temos que tentar recuperar o faturamento com o mercado interno” afirmou ele. ( ouça entrevista ao lado)
-------------------------------------------------------
CIC integra Missão Técnica em Santa Rita do Sapucaí-MG
Promovida pelo SIMMME – Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Bento Gonçalves, o CIC/BG, através do 1º Vice-presidente da Área para Assuntos do Comércio, Rogério Valduga, integrou uma comitiva de empresários, representantes de instituições públicas e privadas de Bento Gonçalves, que visitou o Pólo Tecnológico de Santa Rita do Sapucaí, em Minas Gerais, nos dias 13 e 14 de fevereiro.
O grupo visitou as escolas Técnicas e suas Incubadoras, Incubadora Municipal de Empresas, Centro Empresarial e empresas do setor de tecnologia. O objetivo da Missão foi o de identificar o modelo de desenvolvimento adotado pelo “Vale da Eletrônica”, que é reconhecido como referência no Brasil. A cidade de 40.000 habitantes, com mais de 120 empresas na área de eletrônica, gerando 7.500 empregos, possuí 04 incubadoras, todas elas ligadas às instituições de ensino e uma diretamente gerenciada pela prefeitura.
Os incubados são essencialmente alunos ou ex-alunos das escolas técnicas que permanecem até dois anos, indo logo após para o mercado de trabalho, com apoio forte dos atores locais.
Todo o desenvolvimento do Pólo está ligado ao ensino em eletrônica. A primeira escola técnica em eletrônica da América Latina está situada na cidade.
Outro fator positivo é a localização geográfica, a cidade fica a aproximadamente 200 km de São Paulo, 300 km do Rio de Janeiro e 400 km de Belo Horizonte.
Para o Vice-presidente da Área do Comércio do CIC/BG, Rogério Valduga, a visita foi altamente positiva. "Podemos visualizar lá um moderno sistema de parceria entre poder publico, instituições de ensino e iniciativa privada sendo este o fator ativo na criação de novas empresas”, ressaltou.
A comitiva foi recepcionada pelo Sindvel - Sindicato das Indústrias de Aparelhos Elétricos, Eletrônicos e Similares do Vale da Eletrônica. ( Fonte: Ass.Imprensa CIC)


Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS