Quase 100 prefeituras fecham ano no vermelho




Atraso em repasses estaduais e federais são principal causa do déficit. Quase 100 prefeituras do Rio Grande do Sul fecharam as contas de 2014 no negativo, por causa de atrasos no repasse de recursos estaduais e federais aos municípios, aponta um estudo realizado pela Federação das Associações dos Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs). Além da demora nos repasses, a diminuição da arrecadação em impostos que são divididos com os municípios (como o ICMS, arrecadado pelo Estado) também contribuiu para agravar a situação das contas municipais. Segundo a Famurs, o rombo nas prefeituras gaúchas chega a R$ 731 milhões;

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS