Com crise econômica, prefeito corta próprio salário

O prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin, determinou nessa quinta-feira a redução do próprio salário em 20%. O vice-prefeito também receberá 20% a menos, os secretários 10% e todos os CC’s, 5%. A redução já será aplicada na folha salarial do mês de novembro. Um bom exemplo a ser seguido. Mas o prefeito, além de cortar na própria carne, tomou outras medidas de contenção de gastos: reduziu o consumo de energia, água, telefone, combustíveis, etc na administração municipal.

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS