Morre, aos 84 anos, o escritor italiano Umberto Eco


O escritor Umberto Eco, autor de diversos livros , entre eles, O nome da Rosa, morreu na noite desta sexta-feira (19/2), aos 84 anos, em sua residência. Umberto Eco escreveu vários ensaios sobre a semiótica, estética medieval, linguística e filosofia, bem como romances de sucesso. Deixou um vasto legado para a literatura mundial, com best-sellers e romances, que tiveram adaptação cinematográfica e foram recorde em bilheteria. A última obra escrita por ele foi "Número Zero", lançada em 2015. Seu novo romance, "Número zero", é uma espécie de manual do mau jornalismo. Nele, Eco descreve a redação imaginária de um jornal, criado naquele ano, para desinformar, difamar adversários, chantagear, manipular, elaborar dossiês e documentação secreta. Algo muito particular ao que se vê em grande parte da imprensa no Brasil hoje. O novo livro é uma história de ficção ambientada em 1992, um ano particular para a Itália contemporânea, marcado pelos escândalos de corrupção e pela investigação "Mani Pulite" (Mãos limpas), que arrasou com boa parte da classe política da época.

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS