Salve-se quem puder

Confirmado o que já se noticiava há alguns dias. O PMDB deixou o governo Dilma. Em três minutos de reunião saída do partido do governo foi aclamada. Nem o todo poderoso Lula, conseguiu no final de semana evitar o desembarque. A estratégia foi desenhada por Michel Temer, vice-presidente da República e presidente do PMDB, e por Renan Calheiros (AL), presidente do Senado. Outros partidos devem seguir a trilha dos peemedebistas. Fim de uma aliança de 13 anos. O partido não vai mais fixar prazo para seus filiados entregarem os cargos.Os que se recusarem a cumprir a determinação estarão sujeitos à comissão de ética do partido. A saída do PMDB e de outros que acontecerão nas próximas horas deixa um sentimento no ar. O barco está afundando e salve-se quem puder.

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS