O tamanho do cabide de emprego do PT

Impressionante o tamanho do balcão de negócios que 13 anos de poder do PT em Brasília criou. Levantamento feito pela assessoria técnica do DEM numa pesquisa realizada no Portal da Transparência do governo e publicada pelo jornalista Josias de Souza revela que confirmada a tendência de afastamento da presidente da República, os senadores transferirão do PT para o PMDB a administração de uma fila de empregos que inclui 107 mil cargos comissionados. Os cargos de direção e Assessoramento Superior somam 22,3 mil cadeiras. Excluindo-se os salários, essas gratificações custam ao contribuinte R$ 886 milhões por ano. E há outras 84,7 mil funções gratificadas. O levantamento inclui apenas os órgãos da administração direta, sem estatais.



Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS