Doria confirma em seu Twitter que vai renunciar ao mandato que prometera.

Resultado de imagem para doria
A política é pior que o vento, anda em várias direções e sempre está passando. Em dia 10 de abril de 2017, o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), garantiu no Fórum da Liberdade, em Porto Alegre, que não seria candidato a presidente, como desejava boa parte da plateia, nem a governador. Que só era candidato a “ser um bom prefeito”.

Menos de um ano depois Doria confirma em seu Twitter que vai renunciar ao mandato que prometera.

Não é a primeira vez que isso acontece. Aliás já ocorreu em vários lugares no país, mas no governo de São Paulo o peso é maior.

José Serra renunciou também o mandato de prefeito um ano e três meses depois de assumir o cargo, deixando a prefeitura nas mãos de Gilberto Kassab. O que Dória diz, também não é bem assim: “Pessoal, não posso negar essa importante convocação. A maioria absoluta dos representantes e lideranças do meu partido fez esse chamado. #SãoPaulo+SP”

O poder é um jogo social.

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS