Supersalários e vida boa para militares brasileiros que vivem no exterior

Reportagem assinada pelo jornalista Lúcio Vaz no jornal Gazeta do Povo, revela o tamanho do gasto público que o Brasil tem para manter no exterior adidos militares brasileiros. De fato, em tempos de recessão, com suspensão de reajustes e redução de salários para novos servidores, adidos militares brasileiros vivem uma vida boa no exterior. Os oficiais mais graduados recebem em torno de R$ 60 mil por mês, com pagamento em dólar, incluindo indenização de representação no exterior, auxílio-moradia, ajuda de custo para mudança, passagens aéreas, auxílio-familiar e diárias. Em alguns meses, quando se acumulam indenizações, o pagamento líquido supera os R$ 100 mil. O gasto anual com cerca de 2 mil militares em missão no exterior supera os R$ 600 milhões, incluindo missões de paz.O pagamento mensal aos coronéis que ocupam a função de adido militar corresponde a duas vezes a remuneração dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), que é de R$ 33,7 mil. Para ler a matéria completa clique aqui

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS