Entidades e profissionais do vinho criam iniciativa inédita para aumentar consumo no Brasil

Lançamento da Pró-vinho, em São Paulo
A ABBA Associação Brasileira dos Exportadores e Importadores de Bebidas (ABBA), Associação Brasileira de Supermercados (Abras), Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) se uniram a profissionais de diferentes áreas do mundo do vinho para criarem a Pró-Vinho, uma iniciativa interprofissional que desenvolverá estratégias capazes de atrair novos consumidores e aumentar a frequência com que apreciadores esporádicos consomem a bebida. A atuação da Pró-Vinho se dará de forma direta e democrática. Em reuniões mensais as entidades e especialistas envolvidos formatarão ações e criarão materiais destinados a comunicar sobre o vinho e fomentar seu consumo.

O Brasil é o 17o. no ranking dos consumidores de vinho. É uma posição bem modesta para a sétima economia do mundo. No Brasil, o consumo é de 1,9 litro por ano, contra 20,1 litros anuais da vizinha Argentina ou 50,5 litros de Portugal. Os brasileiros consomem 338 milhões de litros de brancos e tintos por ano, enquanto no líder Estados Unidos este número é de 3,2 bilhões de litros.

Se estes dados, compilados pela Ideal Consulting e pela Winext, apontam para o potencial deste mercado, a realidade mostra que o consumo não cresce. O 1,9 litro per capita, por exemplo, é estável há anos e inclui os vinhos finos (elaborados com uvas viníferas) e os de mesa.

Estamos todos juntos, buscando o objetivo único, que é o aumento de consumo”, disse Oscar Ló, presidente do Ibravin.

Qualquer estabelecimento ou profissional terá acesso às campanhas e peças criadas pela Pró-Vinho. O conceito e as peças da primeira campanha estão em fase de finalização e em breve serão divulgados. ( Com informações da Revista Amanhã).

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS