Entrevista de Meirelles à Veja parece inadequada ao momento

A entrevista do presidenciável Henrique Meirelles à Veja desagradou muita gente no entorno de Michel Temer. Meirelles é de fato alguém fora da curva no governo Temer. Parece o único ministro interessado em trabalhar e deixar a politicagem de lado. Mas agora, quando surge oficialmente uma declaração de que ele, a partir do seu trabalho como Ministro, deseja ser presidente, aí as coisas ficam confusas.  Na hora em que um ministro da Fazenda se coloca como candidato à presidência, ele decreta o fim do governo do qual faz parte. Perde parte de sua credibilidade nas ações que promove. Politicamente fica complicado. Não há como um parlamentar votar reformas e projetos – ainda mais aqueles bem impopulares – sem levar em conta se está ou não favorecendo o ministro-candidato.

O ministro falou à revista na posição de dono e senhor da política econômica do governo. Falou como uma espécie de candidato a salvador da pátria. Comportou-se como ministro de um governo sem presidente. Posicionou-se na tentativa de entrar nas pesquisas e obter alguma pontuação. Vai testar seu nome e a receptividade popular. O risco que o país corre é substituir a política econômica necessária por uma ação evasiva e eleitoreira.

Postagens mais visitadas deste blog

Gleisi Hoffmann, a senadora dos olhos verdes do PT tinha um amante

Fim da cobrança por marcação antecipada de assento em aeronaves depende agora da Câmara

Grupo Doha apresenta detalhes do porto de Arroio do Sal