Grupo Veronafiere confirma mudança de data da Vinitaly em Verona

Exterior aerial photo of Vinitaly

A Vinitaly, uma das maiores feiras internacionais de vinho, foi adiada para meados de junho, quando a Itália luta para conter um surto do novo coronavírus.

A feira deveria começar em 19 de abril na cidade italiana de Verona, a 70 km de uma pequena cidade que foi colocada em quarentena por causa de uma alta concentração de casos de coronavírus.

O Veronafiere, o grupo que organiza a Vinitaly, disse em comunicado na terça-feira que está programando a feira de 14 a 17 de junho para evitar dificuldades em suas atividades promocionais.

Nos últimos dias, a feira de móveis e design de Milão e a feira de cosméticos de Bolonha Cosmoprof também foram apresentadas devido ao coronavírus.

Vinte e sete pessoas morreram na Itália devido à doença altamente contagiosa nas últimas 24 horas, elevando o número total de mortos para 79, segundo a Agência de Proteção Civil.

O aumento das mortes foi o maior desde o surgimento do surto, 12 dias atrás, nas ricas regiões do norte da Lombardia e Veneto.

POSTAGENS MAIS VISITADAS