Livro da Odebrecht e os apelidos


A revista Veja deste final de semana, coluna Radar, informa que entre os documentos entregues à Lava-Jato pela Odebrecht, há um que desvenda todos os nomes dos políticos beneficiados. A empresa criou codinomes para quem recebia dinheiro. Segundo a PF, esses nomes eram usados para identificar determinadas pessoas ou políticos nas comunicações internas.

Manuela D'Ávila (Foto: Lula Lopes / Agência Câmara)
Manuela D'Ávila
Sarney - Escritor
Senador Lindbergh Faria - Lindinho
Jarbas Vasconcelos Filho – Viagra
Eduardo Paes: Nervosinho
Manuela D'Ávila, PCdoB - Avião
Eduardo Cunha: Caranguejo
Jaques Wagner - Passivo
Renan Calheiros - Atleta

Postagens mais visitadas deste blog

Gleisi Hoffmann, a senadora dos olhos verdes do PT tinha um amante

Fim da cobrança por marcação antecipada de assento em aeronaves depende agora da Câmara

Grupo Doha apresenta detalhes do porto de Arroio do Sal