Vereadores de Bento dão exemplo e decidem congelar salários

Câmara de Bento aprova 21 projetos em sessão ordinária - Difusora
Na contramão de muitos municípios brasileiros, a Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves, em sessão ordinária realizada na tarde desta segunda-feira, 30, decidiu pelo congelamento dos salários do prefeito, vice-prefeito, secretários municipais e vereadores para a legislatura 2021/2024. Com isso, os vencimentos destes cargos políticos seguem congelados desde 2013.

As propostas de reajuste ou manutenção dos benefícios precisavam ser aprovadas até o final deste mês para ter validade, conforme determina a legislação federal. A decisão é exemplar, ainda mais se considerarmos um grave cenário de crise financeira nas contas públicas que virão pela frente quando a pandemia do coronavírus terminar.

O vencimento para os cargo de prefeito ficará mantido em R$ 18.577,22, para vice R$ 13.004,05 e secretários municipais receberão mensalmente R$ 9.288,61. Para os vereadores, o salário mensal permanecerá em R$ 9.288,61. O presidente da Casa Legislativa receberá, além dos vencimentos, uma verba de representação no valor de R$ 3.715,45. Os valores são brutos. Com os descontos,os valores líquidos são em torno de 20% menores.

A remuneração do vereador sempre foi tema polêmico. Como regra geral, o povo a considera indevida, e esse sentimento se amplia em épocas de baixa do prestígio da classe política. Evidente que numa cidade como Bento Gonçalves, o vereador não pode ser gratuito, pois o exercício do mandato toma todo o seu tempo e, na maioria das vezes, o impede de exercer o seu trabalho anterior à vereança. Por outro lado é difícil, no entanto, medir o valor da remuneração dos secretários municipais, prefeito e vice-prefeito, considerando o tamanho da responsabilidade que eles assumem para gerenciar uma cidade e toda a sua população. Certo é que o trabalho é gigantesco. Logo, salário de vereador, assim como dos cargos do executivo, não é palpável ou discutível, mas sua fixação exige bom senso.

Postagens mais visitadas deste blog

Gleisi Hoffmann, a senadora dos olhos verdes do PT tinha um amante

Fim da cobrança por marcação antecipada de assento em aeronaves depende agora da Câmara

Grupo Doha apresenta detalhes do porto de Arroio do Sal