Corrupção: E a saga continua. Agora são R$ 6 milhões encontrados na casa do ex-secretário de saúde do Rio

Promotores do Ministério Público do Rio de Janeiro que efetuaram a prisão do ex-secretário de Saúde do estado do RJ, Edmar Santos , nesta sexta-feira(11) também apreenderam um total de mais de R$ 6 milhões em dinheiro que estava em um apartamento seu em Botafogo.

A Justiça determinou ainda o bloqueio de bens e valores de Edmar Santos até o valor de R$ 36.922.920. Segundo o MP, o valor é equivalente aos recursos públicos desviados em três contratos fraudados para aquisição dos equipamentos médicos durante a pandemia de coronavírus.

O ex-secretário foi preso na casa dele, em Botafogo, na Zona Sul do Rio. O mandado foi cumprido pelo Grupo de Atuação Especializada no Combate à Corrupção (Gaecc), com apoio da Coordenadoria de Segurança e Inteligência (CSI/MPRJ) e da Delegacia Fazendária da Polícia Civil, em um desdobramento da Operação Mercadores do Caos.

Postagens mais visitadas deste blog

Gleisi Hoffmann, a senadora dos olhos verdes do PT tinha um amante

Fim da cobrança por marcação antecipada de assento em aeronaves depende agora da Câmara

Grupo Doha apresenta detalhes do porto de Arroio do Sal