Em nova polêmica, governo federal manda tirar comercial do Banco do Brasil do ar

Colunista do O Globo disse que comercial marcado pela diversidade foi vetado.
A nova campanha publicitária do Banco do Brasil, direcionada ao público jovem e marcada pela pluralidade, foi vetada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL). As informações são do colunista Lauro Jardim do O Globo. Conforme a reportagem, Delano Valentim, o diretor responsável pela área de Comunicação e Marketing do órgão, foi exonerado.

Criada pela WMcCann, a campanha também incluiu ações para o digital com influenciadores como Hugo Gloss e Cellbit, e previa ainda uma esquete do Porta dos Fundos, “Manda foto, Bebê”. No ano passado, durante o Governo Temer, a WMcCann ganhou uma licitação pública para administrar a verba publicitária do Banco do Brasil, responsabilidade que divide com a Lew’Lara\TBWA.

O diretor de Comunicação e Marketing, Delano Valentim, está de férias, mas, quando voltar, não continuará no cargo.

POSTAGENS MAIS VISITADAS