Cresce a oferta de imóveis a venda em Bento Gonçalves

Resultado de imagem para apartamento novo bento gonçalves
A Ascon Vinhedos promoveu no dia 11 de novembro a apresentação dos resultados do Censo Imobiliário de Bento Gonçalves - Edição 2019. O levantamento identificou 154 empreendimentos com áreas superiores a 500 m² em Bento Gonçalves, representando a mesma média obtida nos últimos três anos do estudo. Destes, 110 empreendimentos, de 55 empresas, possuem unidades à venda ou vendidas no período de agosto de 2018 a julho de 2019. Quando comparado ao ano anterior, a pesquisa revelou crescimento significativo nos lançamentos, de 638 para 849 unidades, demostrando a confiança do setor no mercado futuro. Verificou-se ainda, número similar de unidades vendidas em comparação a 2018, com consequente aumento no volume de unidades em oferta.
O levantamento também mostra que 51,8% das unidades vendidas estão enquadradas na categoria econômica. Das unidades a venda, 26,1%% são da faixa econômica e 15,8% ficam entre R$ 400 mil a R$ 500 mil. Dos 1155 imóveis à venda, 1096 unidades são residenciais e 59 são comerciais. Dos imóveis residenciais à venda, 659 unidades são de apartamentos com dois dormitórios, seguido pelos de três dormitórios com 314 unidades. Com relação ao estágio da construção dos imóveis à venda, cerca de 63% estão em fase de construção, 22% estão sendo comercializados em planta e 15% tiveram as obras concluídas no período pesquisado. Entre as 710 unidades vendidas, 50% estão em construção, 31% foram vendidas em planta e 19% já tiveram as obras finalizadas.
Quando analisada a localização dos empreendimentos na cidade, os bairros Cidade Alta, São Francisco e São Bento lideram o ranking de unidades vendidas por bairro. Quando analisados os imóveis à venda por bairro, São Francisco e Cidade Alta também estão entre os bairros com maior número de unidades em estoque, juntamente com os bairros Centro e Humaitá, totalizando 468 unidades à venda.
A coleta de dados do Censo Imobiliário 2019 iniciou no mês de agosto e pesquisou empreendimentos situados em Bento Gonçalves, com áreas superiores a 500 m², que fossem novos e que estivessem à venda ou que tiveram suas unidades vendidas no último ano (de agosto/2018 a julho/2019). As obras industriais, imóveis para aluguéis e revendas não foram consideradas no levantamento. A versão digital do Censo Imobiliário de Bento Gonçalves 2019 está disponível no site www.asconvinhedos.com.br.

Postagens mais visitadas deste blog

Gleisi Hoffmann, a senadora dos olhos verdes do PT tinha um amante

Fim da cobrança por marcação antecipada de assento em aeronaves depende agora da Câmara

Grupo Doha apresenta detalhes do porto de Arroio do Sal