Atenção: Pesquisa encomendada apresenta uma realidade política conforme o interesse de quem a pagou



Cuidado com as pesquisas e com as estatísticas. Muitas delas são falsas e mentirosas. A conduta ética e responsável deve pautar todas as nossas ações. Divulgar números, estudos, estatísticas e pesquisas sabendo que os dados escondem informações importantes não nos torna melhores cidadãos. Ficar atentos a informações distorcidas e alertar os que nos cercam sobre essas mentiras e omissões é atitude que demonstra, sim, nossa cidadania.

Em Bento Gonçalves, um jornal local publicou uma pesquisa eleitoral ás vésperas da eleição municipal. Uma pesquisa recheada de erros grotescos, como a de mencionar a chapa Siqueira/Speranza, que não existe. Diogo Siqueira é o candidato da Coligação Gente Que Faz Bento, e Evandro Speranza de outra coligação. A pesquisa afirma que Alcindo Gabrielli lidera a intenção de voto com 32,63% e Diogo Siqueira 25,26%. 

Se a margem de erro da dita pesquisa, é de 4,5% para mais ou para menos, significa dizer que Diogo pode ter 29,76% e Alcindo 28,13%. Um empate técnico, concluído a partir de dados coletados há 10 dias, sem ao menos considerar o desempenho dos dois candidatos na última semana marcada por debates e intensas ações de campanha.

Pesquisas eleitorais são instrumentos de aferição da intenção de voto do eleitor em determinado momento. Não é qualquer político ou qualquer pesquisa que vai enganar o eleitor.

Uma pesquisa pode ser contratada ou encomendada. A pesquisa contratada mostrará a realidade política no momento em que a pesquisa foi feita. A pesquisa encomendada, apresentará uma realidade política conforme o interesse de quem a pagou para ser feita.

O editor recomenda. Diante de qualquer pesquisa eleitoral, o eleitor precisa ficar atento a seis aspectos fundamentais, dentre outros: 1) quem contratou (ou encomendou); 2) qual o instituto contratado (ou encomendado, você já ouviu falar dele); 3) quem são os entrevistados; 4) a checagem; 5) os resultados; e 6) o registro da pesquisa.

Postagens mais visitadas deste blog

Gleisi Hoffmann, a senadora dos olhos verdes do PT tinha um amante

Fim da cobrança por marcação antecipada de assento em aeronaves depende agora da Câmara

Grupo Doha apresenta detalhes do porto de Arroio do Sal