Ministro Blairo Maggi esteve na abertura do Congresso Mundial da Vinha e do Vinho em Bento

O 39º Congresso Mundial da Vinha e do Vinho foi aberto oficialmente ontem em Bento Gonçalves, com a presença do ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, e da presidente da Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV), Monika Christmann. Durante a solenidade, o ministro garantiu o apoio a um dos principais pleitos do setor: a inclusão das micro e pequenas vinícolas no Simples Nacional. Maggi afirmou que uma das linhas de trabalho da sua gestão no Mapa é criar condições para aumentar a exportação dos produtos vitivinícolas brasileiros. O ministro disse em seu pronunciamento que o vinho faz parte de um estudo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) que vai identificar as cadeias produtivas com potencial de crescimento nas exportações.“Os vinhos e os espumantes produzidos no Brasil têm sido cada vez mais premiados e com aceitação crescente nos mercados nacional e internacional”. O estudo das cadeiras produtivas será usado para reforçar a meta do ministério de aumentar de 6,9% para 10% a participação do Brasil no mercado mundial agropecuário, em cinco anos. “Como produtores, precisamos sair mundo afora para vender nossos produtos”, destacou Blairo.

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS