ExpoVinis Brasil 2017 persiste em meio ao atual cenário econômico


Termina nesta quinta-feira em SP, no Expo Center Norte a Expovinis 2017. A feira reúne 400 expositores, entre importadores, distribuidores e produtores de vinhos. Lá as vinícolas brasileiras (algumas) apresentam novidades em rótulos e edições especiais. Apesar de uma retração de mercado nos três primeiros meses deste ano, o setor vinícola encara o evento como oportunidade de negócios e aposta no aumento do consumo. Mas a concorrência é dura. Na sua 21ª edição, o desafio da vez é aliar o novo comportamento do consumidor brasileiro frente à crise com a meta dos produtores internacionais de encontrar público para suas garrafas premium. Acontece que o consumidor brasileiro mudou o comportamento, está em busca de bons produtos a bons preços. A 21ª edição da Expovinis também reflete a crise que atinge o país: está significativamente menor que as últimas edições! Tradicionais países expositores como Espanha, França, Itália, Uruguai e Argentina ou não vieram ou estão representados com raros produtores. O vinho brasileiro está representado no estande do Ibravin, dividido em pequenas ilhas cada qual com uma vinícola, mas as grandes nacionais Miolo, Valduga, Salton e Aurora também estão ausentes.

POSTAGENS MAIS VISITADAS