Aos descrentes que ainda acham que o novo presídio de Bento é uma utopia

Um problema histórico, motivo de muita preocupação e polêmica entre setores da sociedade bentogonçalvense está prestes a ser resolvido. Tudo pela vontade política, determinação, criatividade e articulação do atual prefeito de Bento, Guilherme Pasin.

    As obras do novo presídio de Bento Gonçalves estão em ritmo acelerado. A entrega da obra deve acontecer dentro do período de contrato, ou seja até o fim de janeiro de 2019. Até o momento já foram concluídas mais de 35 celas, das 44 programadas, além do trabalho avançar nas áreas de convivência, lavanderia, refeitório e área administrativa.

Na tarde da última quinta-feira, dia 12, o prefeito Guilherme Pasin esteve juntamente com o secretário estadual de Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos, Raffaele Di Cameli, o secretário municipal de Governo e Saúde, Diogo Segabinazzi Siqueira, e os vereadores Eduardo Viríssimo e Anderson Zanella, visitando o local. "Estamos muito felizes nesta tarde porque conseguimos verificar os avanços da obra do novo presídio de Bento Gonçalves. As celas estão quase prontas, os módulos prisionais, área de convívio com os familiares, parlatório, as obras estão muito avançadas. Em breve, muito em breve, nossa comunidade não terá mais que conviver com o presídio no centro da cidade", ressalta o prefeito, Guilherme Pasin.

No momento, mais de 80 funcionários, entre pedreiros, armadores, carpinteiros e auxiliares trabalham no local. Os trabalhadores foram encaminhados por meio da secretaria de Habitação e Assistência Social, através do Programa Acessuas Trabalho.

Está de parabéns o prefeito e administração municipal, que contou com a solidariedade do atual governador José Ivo Sartori que entendeu que o modelo de negócio sugerido pelo prefeito poderia dar certo e deu.

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS