Bolsonaro assina a concessão da BR-101, BR-290, BR-386 e BR-448

Rodovia Integração do Sul  — Foto: Governo do RS/Divulgação


O presidente Jair Bolsonaro assinou nesta terça-feira a concessão da Rodovia de Integração do Sul – RIS (BR-101, BR-290, BR-386 e BR-448) . São 473km de rodovias no estado do Rio Grande Sul que receberão investimentos privados de R$ 7,8 bilhões, sendo 225km de duplicação da BR-386 (Rodovia da Produção), além de serviços de manutenção, melhorias operacionais e socorro médico e mecânico. Garantia de mais segurança, melhores condições de trafegabilidade, qualidade no serviço prestado ao usuário e gerando cerca 4.000 empregos diretos.

O preço final da tarifa será de R$4,30, o que representa um deságio de 40% sobre a tarifa-teto estimada no edital (R$7,24). Para se ter uma ideia, somente a concessão da BR-290 (conhecida como Freeway) chegou a ter uma tarifa de R$13,80 em meados de 2017.

A concessão foi homologada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres em novembro de 2018. A vencedora do leilão foi a Companhia de Participações em Concessões, do grupo CCR, que ofertou o maior desconto.

Serão ao todo, sete praças de pedágio, cinco delas a serem construídas: quatro ao longo da BR-386 (em Victor Graeff, Fontoura Xavier, Paverama e Montenegro) e um na BR-101 (em Três Cachoeiras). As outras duas já existentes ficam na freeway (BR-290): em Gravataí e Santo Antônio da Patrulha.

O governo federal pretende nos primeiros 100 dias realizar pelo menos 23 leilões.

Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS