Salton festeja 110 anos de tradição e inovação

Com crescimento de 70% na última década, a vinícola Salton de Bento Gonçalves, comemorou esta semana 110 anos de fundação,marcada pela expansão da viticultura de precisão, a ampliação do portfólio de produtos, a consolidação da liderança na venda de espumantes e o desbravamento do mercado externo.

Em 2019, a marca que lidera o mercado nacional de espumantes há 15 anos chegou ao posto de número 1 entre as marcas de vinhos mais reconhecidas no Brasil (segundo a Wine Intelligence, pesquisa Global Wine Brand Power), entre nacionais e estrangeiras, e conquistou destaque no renomado concurso francês Effervescents Du Monde. Neste mesmo ano, também inaugurou sua Enoteca, em SP, espaço onde recebe clientes para experiências em torno do vinho. Nessa trajetória intensa, iniciada por Paulo Salton e irmãos em 1910, evidenciam-se episódios que demonstram resiliência e capacidade de inovação. Uma saga empreendedora intrinsecamente ligada à história do vinho no país.

Na última década a Salton vem se firmando como uma empresa com diferentes frentes de negócios, incluindo bebidas não-alcoólicas, destilados e empreendimentos com enfoque turístico. A empresa encerrou 2019 com 36,8 milhões de garrafas vendidas e um crescimento de 17,5% no faturamento em relação ao ano anterior. É líder de vendas de espumantes nacionais com 33% de market share, segundo a Nielsen. Desde 2017, contando com uma equipe local nos EUA, as exportações crescem continuamente. Em 2019 foram embarcadas mais de 1 milhão de garrafas para 20 países.

Ao longo de 110 anos de história , a Família Salton firmou suas bases e marcou forte presença tanto no Sudeste, nas cidades de Jarinu e São Paulo capital, quanto no Rio Grande do Sul, nos municípios de Bento Gonçalves e Santana do Livramento. A companhia sempre dedicou atenção a essas cidades por meio de um olhar especial para as necessidades sociais locais das comunidades.

Como forma de retribuir a receptividade e confiança que sempre teve, a empresa lança a campanha Legado Social, projeto que busca auxiliar instituições beneficentes nestes quatro municípios. Junto com parceiros que fazem parte de sua trajetória, a Salton doará, R$ 200 mil em ações às 16 entidades selecionadas. O valor será convertido em cestas básicas para alimentação e higiene, além de material escolar e melhorias estruturais nas áreas da saúde e segurança.

Em São Paulo serão contempladas as entidades Grupo Ciranda, Mesa Solidária e o Instituto de Tratamento do Câncer Infantil (Itaci). Em Jarinu, interior paulista, os beneficiários são o Abrigo Raio de Luz, o Lar Eduardo Ferrara e o Lar dos Idosos – Cidade Vicentina.

Já no Rio Grande do Sul, as entidades contempladas em Bento Gonçalves são a ADVBG, a Paróquia Santo Antônio, o Lar Lucchese, a Conserpro e a Ceacri. Por fim, em Santana do Livramento, receberão as doações a Apae, o Lar da Velhice Mario Motta, a Assandef, o Lar da Infância Daniel Albornoz e a Santa Casa de Misericórdia.

A Salton decidiu compartilhar mais que bons brindes com o seu público e lançou o documentário “Família Salton 110 anos – Um Legado como Destino”. A produção, assinada pela Vagão Filmes e dirigida e roteirizada pela Mundo Mesa Produções, apresenta depoimentos emocionados de personagens importantes na trajetória da marca. Muitas memórias, evolução dos produtos e cultura local foram resgatados.


POSTAGENS MAIS VISITADAS