Após o confinamento, não vamos acordar em um mundo novo; Ele já mudou!

Sete previsões de como será o novo mundo no pós-pandemia | NeoFeed
Primeiro, considere o seguinte: nossas vidas já mudaram de forma definitiva. Não espere ter sua vida de volta da mesma forma que era antes. O mundo acaba de sofrer uma transformação. O Covid-19 é um vírus, sua transmissão é fácil e rápida e ainda não temos vacina. É ingenuidade achar que tudo será como antes.

Mesmo depois que uma vacina for descoberta, ainda teremos um bom tempo até que o vírus esteja sob controle e seja apenas mais um dos muitos vírus que podem acometer um ser humano. Portanto nada será como antes. Para alguns será pior, para outros poderá ser melhor, precisamos ter a capacidade de sair dela inovando.

Mudanças que o mundo levaria décadas para passar, que a gente levaria muito tempo para implementar voluntariamente, a gente está tendo que implementar no susto.

A pandemia antecipa mudanças que já estavam em curso, como o trabalho remoto, a educação a distância, a busca por sustentabilidade e a cobrança, por parte da sociedade, para que as empresas sejam mais responsáveis do ponto de vista social.

Outras mudanças estavam mais embrionárias e talvez não fossem tão perceptíveis ainda, mas agora ganham novo sentido diante da revisão de valores provocada por uma crise sanitária sem precedentes para a nossa geração.

Portanto, a vida depois do vírus será diferente. Já está sendo. As transformações são inúmeras e passam pela política, economia, modelos de negócios, relações sociais, cultura, psicologia social e a relação com a cidade e o espaço público, entre outras coisas.

Uma crise como essa muda valores humanos.Ela obriga comunidades a se unirem e trabalharem mais como equipes, seja nos bairros, entre funcionários de empresas, seja o que for. E isso pode afetar os valores daqueles que vivem nesse período —assim como ocorre com as gerações que viveram guerras.

As pessoas também estão revendo sua relação com o consumo. Consumir por consumir saiu de ‘moda’. Com o isolamento social, as lives explodiram, principalmente no Instagram. As vendas pela Internet também, passando a ser uma opção também para lojas que até então se valiam apenas do local físico.

A sociedade pós-coronavírus pode ser a oportunidade. Vai depender de nós. Educação, economia, cultura, saúde, comportamento, tudo em mutação.

Postagens mais visitadas deste blog

Gleisi Hoffmann, a senadora dos olhos verdes do PT tinha um amante

Fim da cobrança por marcação antecipada de assento em aeronaves depende agora da Câmara

Grupo Doha apresenta detalhes do porto de Arroio do Sal