O desafio de Eduardo Leite e Geraldo Alckmin: Crescer entre os seus

Não há dúvida que a candidatura ao governo do estado do RS de Eduardo Leite (PSDB), como também de Geraldo Alckmin à presidência irão crescer nos próximos dias. Ambos possuem o maior tempo de TV e rádio, mas também possuem importantes coligações e apoios. Mas há um fato que está travando o crescimento mais acelerado dessas candidaturas. O de que muitos candidatos a deputado estadual e federal estão fazendo santinhos e deixando em branco o local para indicação do governador e do presidente. Ou seja, fazem de forma independente sua campanha, ou pior apesar de estarem coligados na majoritária estão apoiando candidatos adversários.

No RS, por exemplo, o ex-governador Jair Soares aprofundou, o racha entre a militância do PP no estado, onde alguns apóiam Bolsonaro e outros simplesmente não seguem as orientações da coligação que tem Eduardo Leite e Geraldo Alckmim como candidatos.

O coordenador da campanha de Alckmin no Estado, o prefeito de Bento Gonçalves, Guilherme Pasin (PP) disse à jornalistas que não se surpreende com o apoio de Jair Soares a Bolsonaro:

— Ele já fez isso em 1986. Saiu do então PDS, demitiu os companheiros que estavam no governo e depois se arrependeu. Tenho certeza de que ali adiante ele vai perceber que está cometendo um erro e voltará para o caminho certo.

Pasin term razão, logo, logo os que hoje “viram as costas” terão que pedir apoio ali na frente.



Comentários

POSTAGENS MAIS VISITADAS