Governo RS divulga dados da criminalidade e comprova que Bento não é a cidade mais violenta do Estado

Bento Gonçalves registrou queda nos indicadores criminais referentes ao mês de setembro passado. Os dados foram divulgados pelo governador Eduardo Leite e pelo vice-governador e secretário de Segurança Pública do RS, Ranolfo Vieira Júnior, na tarde desta quinta-feira, 10, durante reunião mensal da Gestão Estratégica em Segurança dos 18 municípios que integram o programa RS Seguro, no Palácio Piratini, em Porto Alegre. O editor já havia adiantado aqui no Blog de que os índices estão em profunda queda há muito tempo, e que portanto é mentira dizer que Bento é a cidade mais violenta do RS.

Dos 13 itens analisados pela pasta, Bento Gonçalves reduziu ou apresentou estabilidade dos índices em 12, se comparado ao mês de agosto. Em setembro foram quatro homicídios, 48 registros de furtos, 14 furtos de veículos, 25 roubos, duas ocorrências de roubo de veículo, 12 registros de estelionato, sete delitos relativos à armas e munições, 15 casos de posse de entorpecentes e 13 por tráfico de drogas. No mês de agosto foram oito homicídios que resultaram em nove mortes, 61 furtos, um abigeato, 22 furtos de veículos e 29 roubos, três casos de roubo de veículo, 34 ocorrências por estelionato, quatro delitos relacionados à armas e munições, 17 prisões por posse de drogas e seis por tráfico.

Se comparado ao mesmo período do ano passado, houve queda de 20% nos homicídios, 53% menos ocorrências de furto, furto de veículos (-26%), roubos (-39%), roubo de veículo (-80%), estelionato (-40%), delitos relacionados à armas e munições (-46,15%), prisão por posse de entorpecentes (-40%), prisão por tráfico de drogas (-18,75%).

POSTAGENS MAIS VISITADAS