Miolo amplia exportações com novos mercados

Resultado de imagem para miolo
A Miolo está apostando forte no mercado internacional. A presença no mercado externo cresceu 20% em 2019 e projeção para 2020 é de um aumento de 40%. Rússia e Nigéria são os novos mercados, inclusive com vinhos específicos para o paladar daqueles consumidores.
.
Para a Nigéria, a Miolo está enviando 10 mil garrafas agora em fevereiro. Na metade de 2010, embarcará mais 30 mil garrafas. Além da Nigéria, a Miolo fechou novas parcerias com importadores em outros dois países. Para a Bélgica, o foco é nos vinhos Miolo Seleção. Já para a China, a aposta é em uma marca própria de exportação para esse mercado. Chamada de Riqueza, a linha tem Cabernet Sauvignon e um corte de Cabernet Sauvignon/Merlot. São os chamados "vinhos superiores" por serem mais elaborados, passando mais tempo em barricas de carvalho. Lembrando que a Miolo ampliou para 15 o número de lojas próprias na China.

Atualmente, a Miolo Wine Group exporta o equivalente a 10% de sua produção anual. O Reino Unido lidera o ranking de destinos, comprando metade disso. A empresa cultiva hoje cerca de 950 hectares de vinhedos, que ficam no Vale dos Vinhedos, Seival/Candiota, Santana do Livramento e Vale do São Francisco. ( Fonte: ZH)

POSTAGENS MAIS VISITADAS